Fertilizantes  ›   Serviço de aconselhamento  ›   Culturas  ›  

Batata

Batata - alimento e matéria-prima renovável

Potássio para um rendimento seguro e máxima qualidade das batatas

Diferentes exigências na qualidade das batatas

Magnésio, boro e manganês – complemento nutricional ideal através da aplicação foliar

Recomendações de fertilização para a batata

 

Batata - alimento e matéria-prima renovável

Recentemente, a gama de utilizações da batata tem vindo a aumentar continuamente. Além da sua utilização tradicional como alimento, a sua importância na área de produtos não alimentares está a aumentar cada vez mais. Por exemplo, o amido extraído da batata é utilizado como matéria-prima no fabrico de papel, em materiais de construção, adesivos, materiais de limpeza, produtos farmacêuticos e também nas indústrias cosmética e de biotecnologia.
 
A viabilidade económica da cultura da batata é determinada pelo rendimento e pela qualidade. A base para este sucesso inclui não só a seleção de variedades adequadas à medida do mercado-alvo, como também um programa de gestão de cultura avançado. Entre as práticas de gestão da cultura, a fertilização adequada é vital para as culturas da batata, uma vez que a necessidade de nutrientes por esta cultura é considerável. A fertilização adaptada ao potencial do rendimento também afeta positivamente muitas características de qualidade. Além disso, a resistência das plantas e a durabilidade dos tubérculos  armazenados são melhoradas.

Voltar ao início da página

 

Potássio para um rendimento seguro e máxima qualidade das batatas

Potássio tem um efeito significativo no rendimento e na qualidade, já que a absorção pelas plantas é muito elevada quando comparada com outros nutrientes. Na verdade, uma cultura de batata absorve aprox. 60kg de K2O por cada 10t de tubérculos.
 
O potássio tem um efeito positivo:

  • na saúde da vegetação
  • na eficiência da fertilização de nitrogénio
  • no equilíbrio hídrico das plantas
  • no rendimento do tubérculo e no teor de vitamina C
  • na fiabilidade do rendimento

Voltar ao início da página

 

Diferentes exigências na qualidade das batatas

A qualidade pretendida das culturas de batata depende da respetiva utilização (alimentação, processada, amido ou para cultivo). Por exemplo, os produtos processados, como as batatas fritas de pacote, requerem um teor médio de amido, enquanto que a produção de amido exige um elevado teor de amido.
 
O teor de amido é menos importante para as batatas de consumo fresco. Contudo, a qualidade para cozinhar batatas é muito importante. Isto significa que as batatas não se devem desfazer quando cozinhadas nem devem perder a cor.
 
Para satisfazer estas várias exigências de qualidade nas batatas, é importante selecionar as variedades adequadas bem como a fertilização adequada.
 
Sobretudo, o nutriente potássio influencia muitas características de qualidade que, por sua vez, afetam positivamente a proporção do produto colocado no mercado:

  • o potássio diminui a incidência de descolorações, tais como escurecimento no interior e manchas negras
  • o potássio aumenta o teor de ácido cítrico e de vitamina C, afetando o teor de amido do tubérculo
  • o potássio diminui o teor de açúcar redutor (importante para a indústria de processamento)
  • um excelente fornecimento de potássio melhora as características de colheita e de armazenamento Isto resulta numa suscetibilidade reduzida a danos e pisadelas devido à boa maturação dos tubérculos

Voltar ao início da página

 

Magnésio, boro e manganês – complemento nutricional ideal através da aplicação foliar

A batata é frequentemente cultivada em solos ligeiros, onde é necessário garantir o fornecimento de magnésio através de fertilizantes.

 

O magnésio é essencial para a assimilação da planta e não só afeta a síntese de proteínas e hidratos de carbono, como também o seu transporte e armazenamento no tubérculo.

 

Tanto o magnésio como o manganês aumentam a concentração de componentes valiosos, como o ácido cítrico e a vitamina C. Além disso, aumentam a resistência dos tubérculos contra a descoloração durante o processamento.

  

O boro é importante para o desenvolvimento celular, para a estabilização das paredes celulares e para a síntese de componentes ricos em energia, como o açúcar e o amido. O efeito positivo do magnésio (e dos oligoelementos manganês e boro) na redução de manchas negras nas batatas foi confirmado em ensaios de campo com EPSO Top® e EPSO Microtop®.

Voltar ao início da página

 

Recomendações de fertilização para a batata

O fertilizante é aplicado para manter a fertilidade do solo, para que o seu potencial natural de rendimento possa ficar protegido a longo prazo. Para isso, é necessário manter um excelente teor de nutrientes no solo. Os nutrientes removidos com a colheita têm de ser substituídos através de uma aplicação adequada de fertilizante. Juntamente com a substituição dos nutrientes removidos, terão de ser adicionados ajustes para as perdas específicas do local (por exemplo: lixiviação ou erosão).


A remoção total de uma planta resulta da absorção de nutrientes da cultura principal (p. ex. grão, tubérculos ou beterrabas) e da absorção de resíduos de colheita (p. ex. palha, folhas). Se os resíduos de colheita ficarem no terreno, apenas terão de ser substituídos os nutrientes removidos pelas culturas principais.

 

Recomendações para aplicações no solo

O nutriente potássio (como potassa) deve ser aplicado exclusivamente em forma de sulfato, já que as batatas são suscetíveis à toxicidade por cloreto. A melhor altura de aplicar potassa é geralmente mesmo antes de semear.
 
A fertilização da batata tem de ser ajustada ao rendimento esperado e à utilização final da cultura.
 
A tabela mostra recomendações de fertilização calculadas na absorção de nutrientes das principais culturas com base num teor de nutrientes adequado no solo. Não são considerados ajustes para perdas específicas do local devido a lixiviação, fixação ou erosão.

 

Remoção total  (inc. resíduos de colheita) Remoção através da colheita principal Recomendação de fertilizante devido a absorção de nutrientes
com ótima classe de teor de nutrientes no solo (por hectare)
    Remoção total de Através da colheita principal
(kg ha-1)
K2O / MgO / SO3
(kg ha-1)
K2O / MgO / SO3
Potássio Magnésio Potássio Magnésio
Rendimento de 45 t de tubérculos
300 / 25 / 30 270 / 18 / 27 1000kg Patentkali® 100kg ESTA® Kieserit 900kg Patentkali® 90kg ESTA® Kieserit
    Patentkali ESTA Kieserit Patentkali ESTA Kieserit

 

 

Recomendações para aplicações foliares

Selecione um site